Como montar uma mesa de fondue? Veja dicas!

As melhores coisas do inverno estão no simples prazer de comer e beber. A fondue, por exemplo, além de ser uma delícia, pode ser uma alternativa interessante para receber bem.

Oi, inverno! Você chegou com tudo, não é mesmo? Eu confesso que, apesar de adorar sair pra jantar e conhecer lugares gostosos, o tempo não tá ajudando (não dá pra sair de pantufa, né?). Então, que tal unir o útil ao agradável e receber de um jeito delícia em casa e com uma linda mesa de fondue?

E poucas coisas são mais gostosas pra receber no frio do que uma boa fondue (com uma taça de vinho do lado, claro). Além de divertido, poupa a cozinheira (o), já que é um prato feito na hora, por cada convidado, com um mínimo de pré-preparo.

Leia também:
GUIA | Como comer fondue? Atente à etiqueta!
Receita de Fondue de Queijo, by Le Creuset

Mas, para noite ser um sucesso, é bom ter algumas diretrizes em mente. Acho que cada aparelho de fondue vai bem para no máximo quatro pessoas – mais do que isso vira um congestionamento de garfinhos. E o que a gente quer é um evento de sucesso, e não uma disputa, rs.

Para cada fondue, uma panela

Também é válido reforçar que para cada tipo de fondue, uma panela. A fondue de queijo, que é mais cremosa e tende a “grudar” um pouquinho no fundo, se dá melhor com uma panela de ferro esmaltado ou uma antiaderente. O mesmo princípio se usa para o aparelho de fondue de chocolate. Fica mais fácil para limpar depois e preserva melhor o ingrediente até o fim. Já a fondue de carne se dá bem com todas: pode ser esmaltada, de ferro comum ou de inox.

fondue-le-creuset-ferro-fundido

Organizando a mesa de fondue

Escolhidas as panelas, vamos à mesa de fondue. Além de bonita, deve ser prática, então, como a ideia é braços que se esticam até chegar às panelas, sou do princípio que menos é mais. E sem toalha de preferência. Sabe por quê? Já vira uma bagunça desde o início, com molhos que acabam caindo, pedaços de queijo que sobram ou uma gota de chocolate que fica.

Gosto de uma decoração mais rústica para a mesa de fondue, pois fica mais moderno, prático e charmoso. A fondue, para ser chique, tem que fugir do datado! Então, aposto em tábuas e apoios em madeira ou bambu para as panelas e os complementos e até mesmo como sousplat – assim não precisa nem de jogo americano!

mesa-de-fondue-dicas-mesa-rustica

Fondue de queijo e seus complementos

Por falar em complementos, a fondue de queijo fica ótima se servida com outros itens, além dos tradicionais cubinhos de pão. Adoro servir com legumes, e se forem assados, ainda melhor: fica diferente e especial!

Para os que curtem a mistura de doce e salgado, cubos de pera e maçã também vão bem.

mesa-de-fondue-dicas-acompanhamentos-queijo
mesa-de-fondue-dicas-batata-assada

Fondue de carne e seus molhos

Já a fondue de carne merece ter os molhinhos que acompanham servidos de um jeito charmoso: adoro as cocottes para isso. Moedores de sal e pimenta-do-reino também são essenciais para temperar a carne já frita, antes de passar no molho – vai por mim, isso faz toda a diferença!

fondue-de-carne-montacasa

Fondue de chocolate e suas delícias

Para o “gran finale”, a fondue de chocolate é superdivertida. Gosto de fazer com chocolate meio amargo e aromatizar com algum licor, como o de laranja: uma colher (sopa) dá um perfume incrível! Conhaque e vinho do Porto ficam ótimos também. Na hora de servir, olha que graça estes espetinhos preparados com as frutas! Agora, se quiser se jogar mesmo, vale pedaços de bolo, de waffle, marshmallow…

mesa-de-fondue-dicas-acompanhamentos-frutas

Le-Creuset-Chocolate-Fondue-Montacasa2

Agora se a sua dúvida é toda a etiqueta na fondue?  Dá uma olhada neste post sobre de como comer fondue.

Te dei mais uma boa desculpa para ficar em casa, vai? Não perde tempo não e aproveita este inverno delícia que chegou para preparar sua mesa de fondue!

Até semana que vem!

Deixe uma resposta